30 outubro 2010

Voltar para casa

Quem acompanha as "coisas" que escrevinho neste papel virtual conhece um pouco do meu mundo. Sabe que eu tenho uma jovem família, conhece a minha profissão e tem noção de que trabalho longe de casa.
Trabalhar longe de casa influencia as outras vertentes do meu mundo e isso reflectiu-se nos textos que escrevi aqui. Basta ver os textos sobre saudade ou sobre as viagens até ao destino de trabalho.
Ficar a semana toda longe de casa exige muito de quem, como eu, é apegado à família. Traz, no entanto, uma coisa boa: o reencontro.
Se tudo já era difícil, agravou-se ainda mais com o surgimento da minha menina. Perder alguns passos na sua evolução é algo que nem todo o dinheiro do mundo poderia pagar.

Há pouco mais de 3 meses escrevi este texto, no qual relatava a minha metamorfose de interno para especialista de Medicina Geral e Familiar. Esta passagem tinha uma dupla importância: 1º - mostrava uma evolução como profissional; 2º (e mais importante) representou a oportunidade de mudar para um local mais próximo de casa.

Depois de um concurso absurdo, protagonizado pelo Ministério da saúde e seus capangas da ARS, esta semana que passou foi a semana da decisão. Foi nesta última quarta-feira que decidi meu futuro local de trabalho.
Após uma burlesca reunião com alguns (verdadeiros e puros) funcionários públicas daquela última instituição, chegara a hora da escolha. Uma a uma as vagas foram sendo escolhidas e aproximava-se a minha vez...

Tudo isto só para dizer que, após 5 anos de distâncias, de viagens, de encontros relâmpago, de imensa saudade, estou, finalmente, voltando para casa!



Mas vou ter saudades na mesma...

15 comentários:

El Matador disse...

É o regresso do filho pródigo.

Desculpa lá o lugar comum mas hoje também 'tou meio acinzentado.

Sahaisis disse...

cats ando sensível,fiquei de lágrimas nos olhos. eu que já senti saudade, falta de alguém e a ânsia do reencontro alegro-me muito por ti e pela tua família. embora só te conheça daqui, nutro uma honesta simpatia por ti, por isso parabéns e "força nisso" ;)

Rain disse...

Era para te ter enviado uma sms ontem mas depois passou-me: Parabéns!!

Sem dúvida que fico duplamente feliz por ti e pela tua família! ;)

Ana Ferreira disse...

oh muitos parabéns! é a recompensa depois das saudades, da distância, do esforço ;)

Pronúncia disse...

A vida é feita de etapas... esta é mais uma.

Parabéns!

Cirrus disse...

Há gajos com sorte.

pinguim disse...

Tu mereces, e não estou a gozar...
Parabéns!

MZ disse...

Sei do que fala, Catsone... ao contrário, eu era a outra parte. Sempre à espera dos fins de semana.
A distância das pessoas que gosto é o meu "carma".

Disfrute muuuuuuuuuito...eu sei como é!
:)

Lala disse...

é há lá coisa melhor que estar perto dos nossos? Parabéns!!!

Johnny disse...

Fixe :)

Catsone disse...

Obrigado a todos pelos comentários!
Bom fim-de-semana + feriado!

Dylan disse...

Já dizia a Elba Ramalho:
http://www.youtube.com/watch?v=785dEW_5JD4

Catsone disse...

Dylan, não me lembrei dessa mas também serve, claro.

caminhante disse...

que felicidade, cinco anos... tanto tempo. em casa, finalmente. agora, a caminhada é feita de mãos dadas [uma bem agarradinha à outra, pele na pele e não virtualmente]. parabéns :)

abraçinho...

█► JOTA ENE ◄█ disse...

ººº
A família é tudo, não é rapaz?