12 março 2010

Contra a maré II


No seguimento do post anterior...

Houve um laboratório que, a pretexto de publicitar um medicamento para o colesterol, deu-nos um modelo de artéria. Essa artéria está dividida em quartos que demonstram a evolução da deposição do colesterol nas paredes do vaso. No 1º quarto a artéria está sãzinha da Silva e no último está ocluída por um trombo num estreitamento causado pelo colesterol.
É esse modelo que apresento aos candidatos à morte súbita. Os inúmeros Sr. Fulanos que a vêem esbugalham os olhos para aquilo, não sei se percebendo o que a "artéria" lhes tenta "dizer" ou porque o modelo é feio comó caraças.

Essa pequena introdução para quê?
Há já algum tempo, muito tempo mesmo, percebi que é difícil (ou impossível) lutar contra o poder da publicidade. É a publicidade que oferece patrocínio aos clubes de futebol e grandes festivais de música para que promovam cerveja, por exemplo.
As crianças estão sujeitas a eternos períodos de propaganda que lhes enfiam ideias comercialóides pela cabeça: são brinquedos no natal, são chocolates na páscoa, são morangos, são açúcar, etc, etc.
Imagine-se um comercial onde uma rapariga muito... hum... digamos, jeitosa, saia do mar numa praia ensolarada, tire a tampa a uma mini e se insinue a um marmanjo qualquer: será possível que, depois dessa cena, esse mesmo marmanjo esteja interessado em saber que o álcool da mini lhe é prejudicial? Bem, com uma mini apenas não há problema, dirão os senhores, mas o problema é que, para alguns XY, as minis são como as cerejas...
E é mesmo muito difícil lutar contra isso, contra essa ideia de que é cool beber-se à noite, comer de tudo e à fartazana e no fim manter-se com o corpo de uma Sónia Araújo (caraças de fetiche) ou de algum gajo bom qualquer (não conheço nenhum, as meninas que por aqui passam que dêem sugestões).

Toda essa lenga-lenga para dizer que ontem, enquanto almoçava e assistia às notícias num canal qualquer, surgiu no ecrã uma nova publicidade extraordinária.
Algum génio resolveu criar o acepipe dos anjos gordurosos e que passo, eu também, a publicitar:



Para que fique claro: eu gosto de pizza (muito), gosto de hambúrguer e gosto de bacon, mas porra, tudo isso junto na mesma dentada?! O que mais catso falta por nessas fatias que acresça o teor em castrol e trigres? Dass! Mais vale injectar manteiga directamente na veia, o entupimento da circulação sempre era mais lento!
Isso arrebenta a escala das milhares calorias! E acompanhado com quê? Coca-cola?
Imagino a cara dos miúdos ao verem isso...




PS: alguém conhece algum ingrediente que não se possa por numa pizza?

21 comentários:

Sahaisis disse...

limão? também temos um modelo desses do castrol, é aquele que quando se vira o sanguinho escorre pelas tubagens?

Gingerbread Girl disse...

Eish que parece tãoooooooo bom. :')

Anyways... um ingrediente que não se possa pôr numa pizza...

hmm...

Arruda...?

=\

Catsone disse...

Sahaisis, se tiver carne de porco, um limãozito por cima até pode ficar bom.
Quanto ao modelo, não é esse. É de plástico oco e à medida que vamos mudando de "quartos" vê-se mais colesterol (amarelo) agarrado às paredes da artéria.

Ginger, lol, arruda? Olha que numa pizza vegetariana até marchava, não?

Costeletas de porco

Cirrus disse...

Bem, a Sónia Araújo... Tens decididamente bom gosto e a minha solidariedade.

O acepipe, além de ser aquilo tudo que disseste em termos de saúde, é nojento. Há coisas que não se misturam. E se é verdade que nunca comi no Mac ou na Hut, ainda mais seja que nunca pensei em misturar os dois... Telepizza muito à frente, diria eu.

Arroz de cabidela.

Sahaisis disse...

uhm...queijo e limão...don't think so...lol e todas as pizzas têm de ter queijo...

Catsone disse...

Cirrus, compreendes o meu fetiche pela Sonita, então ;)
E arroz de cabidela numa pizza, nham-nham

Sahaisis, permita-me discordar, nem todas as pizzas precisam do queijo. Uma pizza de atum com cebola, por exemplo, népias de queijo ;P

MA-S disse...

pizza digna de nome pizza tem que ter muito queijo e tomates (polpa)!!!:P
Uma ingrediente que fique mal na pizza? alface, grelos (o vegetal!, espinafres...ainda nao vi nenhuma com tais vegetais.

Francisco Vieira disse...

Olha la, aquela provocacao em forma de resposta ao meu anterior comentario aqui no coiso foi para que?!

Ao o meu Catso...

Eu vendo-lhes os petiscos e a bua toda que eles quiserem manfar, mas nao uso o metodo de chantagem nem arma apontada a cabeca para os obrigar :-)

Quanto as minhas receitas, se estiveres atento (que eu sei que es) raramento publico uma que seja assim muito prejudicial a saude. Tudo muito saudavel...agora se as quiserem adulterar, pois temos pena.

O problema da malta sao os petiscos. Eu que o diga...

Catsone disse...

Mas vi com alface e já comi com espinafres. Com os grelinhos é que não.


Olá Francisco!
Epá, não ligues para o que digo, man, lol.
Eu sei plenamente que não apontas nenhuma arma mas, se calhar, em alguns...
Eu já trabalhei em restaurante e já servi muita comidinha frita e condimentada a muitos Srs. Fulanos.
Sei como é a vida atrás do balcão. Não te esqueças que já fui emigrante tb e que nós, por esse mundo afora, gostamos de mostrar o que de bom, e mal, tem a nossa comida.
Já nem falo dos petisco...
abraço

johnny disse...

Fiquei com fome -.-

Catsone disse...

Johnny, liga prós gajos da telepizza... ;)

Sahaisis disse...

pizza sem queijo..no, not reaaly...bem anyway...as melhores pizzas do mundo são as do lukka...um dia q venhas a lx try it...

Lala disse...

Uma pizza é sempre uma pizza! Adoro comer BEM! as quando não tenho tempo para comer bem, ou não tenho 'pachorra' para cozinhar... Marcham pizzas, hamburgers... é o que vier primeiro à mão!
No entanto às vezes apetece... fazem-se umas pizzas a em casa e aí... é dar largas à imaginação!!! Queijo?? Se faltar já não é pizza!! Mas realmente há coisas que nunca me passaram pela cabeça: arruda (só mesmo a Ginger para se lembrar desta) e limão.... nah!

Nabo:|

Helga disse...

Cebola! Odeio cebola nas pizzas! E já agora um gajo bom... o Tyson Beckford.

Bom apetite!

Pulha Garcia disse...

Sónia Araújo? só se não abrisse a boca ...

Catsone disse...

Sahaisis, pode ser que um dia experimente aí esse lugar. quando for dou-te um toque ;)

Lala, desde já parabéns pelo belo nome (Laura), esse nome tem um significado especial cá em casa. Quanto às pizzas, meu pai faz umas pizzas muito boas e prefiro ir a casa dos papás comê-las ;)
E nabo? Para por na pizza ou tás a chamar-me nabo? LOL

Helga, uma pizza de atum com cebola é um espectáculo! E recuso-me a saber quem é esse fulano...

Pulha, pode ser necessário que ela abra a boca :X Cuidado que isto é um tasco de família!
Abraço

Artemysa disse...

Catso não viste tu o que é a TV americana... bombardeamento de fast foods, concursos de quem come mais, uma javardice pegada. E dps na rua, é td XXL, um terror. Esta gente não sabe cozinhar e pensa que uma refeição saudável é uma sopa de lata... Há pessoas a fazer estatinas nos 30! E faz-se publicidade aos medicamentos como se fossem smarties.

Catsone disse...

Artemysa, imagino que aí a maioria do people coma junk-food. Depois, como se não bastasse, resolvem exportar. Já quase desgraçaram o Japão com as porcarias que "cozinham".
Bj

Artemysa disse...

A ideia deles de cozinhar é tirar do pacote massa pre-feita de bolachas e pôr no fogão...já estás a ver o filme, não?

pinguim disse...

Por acaso não sou minimamente adepto de comida fast food: e pizza só mesmo muito de vez em quando...

Catsone disse...

Artemysa, tão saudável...

Pinguim, eu gosto de pizza mas há que ser razoável no que se põem sobre a massa.