18 setembro 2005

A democracia tem destas coisas.

Hoje em Lisboa um grupo de neo-nazis protestou contra a hipótese de casais gays adoptarem crianças. O presidente do PNR (partido nazi renovador) marcou presença e deu (no bom sentido) um discurso demonstrativo do nível de QI da assistência.
Presidente do PNR:"- Meus amigos, nós estamos aqui porque a gente queremos nos manifestar! E a gente queremos manifestar-nos contra esses gajos que gostam de gajos e que querem crianças para transfomarem-las em gajos que gostam de gajos. Nós todos aqui semos contra essa coisa aí! Esses lóbis gays não tão com nada!"
Multidão de 20- "É!"
Presidente do PNR:"- Meus trogloditas irmões, se a gente deixarmos esses gajos homens sexuais fazerem o que querem, Portugal vai se tornar numa Sodomia-gamarra total. Isso não pode acontecer, por isso, nós todos os 20 que estamos aqui hoje temos que manifestar-nos contra estas merdas e tal!"
Multidão de 20: " Mim também acha!"
Após andarem pelas ruas da capital aos gritos de "Abaixo os homens sexuais, que nós não vamos atrás", chegaram finalmente ao ponto final da passeata e cantaram o hino nacional português. Característicamente fizeram a saudação nazi, sendo que tudo que estava abaixo do nível do sovaco, pura e simplesmente desapareceu!!!

Sem comentários :