07 agosto 2013

Mentir ao telefone ou como nunca teria sucesso com uma traição

Já eram quase 9:30 da noite e, com a desculpa de querer ligar a um amigo mas não ter saldo no telefone, saí a caminho de um multibanco. Aproveitando a deixa diriji-me a um centro comercial aqui da terra para comprar uma prenda à madame, já que está próximo o aniversário do nosso longo namoro.
Obviamente que a moça não sabia dessa segunda parte da missão e acreditava que a minha saída seria lesta.

Chegei ao centro comercial e me perdi por entre as lojas. Comprar coisas para senhoras não é trabalho fácil para um homem... que não esteja acostumado à tarefa (já tive de pedir ajuda a uma das senhoritas que por este blog põem os olhos). 
Resumindo: demorei mais do que deveria.

Numa jogada idiota de mestre resolvi ligar à chefa dizendo que teria encontrado um amigo do futebol junto ao multibanco e que ficámos na conversa. Disse que lhe estava a ligar para não deitar os miúdos antes de eu chegar e que já estava a voltar para casa.
"Encontraste quem?", perguntou ela.
"O fulano do futebol. Agora vou ali à caixa geral para "por" dinheiro no telemóvel", respondi eu, ansioso pela mentirinha.
"Mas essa caixa geral já fechou há uns tempos..."
"Ah, pois é. Bolas, tenho de ir a outro lado então"
"Mas estive a ver aqui a nossa conta na net e já foste ao multibanco..."
"Er...", pensando numa boa desculpa, "ok, vim comprar-te uma prenda...", desisti logo.
Ela riu-se... e muito.

Fica ela sossegada quanto à hipótese deste jegue alguma vez pular a cerca...



7 comentários :

nAnonima disse...

ahahahahahahah!

(homens! :b)

João Roque disse...

Tu não sabes mesmo mentir.
E se quisesses "furar a cerca" estavas mesmo tramado, hehehe...

Catsone disse...

Menina dos nes, homem no estado mais brucutu, lol

João, mas é que não sei mesmo, amigo :D

El Matador disse...

Big Sister is watching You! :)

Catsone disse...

Killer, podes crer :D

Mz disse...

Acabou bem Catso!
Conseguiste safar-te :)

Catsone disse...

MZ, foi o que se conseguiu na altura, :D