06 outubro 2011

Yo quería ser de América Latina*

Adicionar sobrenome latino-americano: hecho;
Utilizar sotaque da América do Sul: hecho;
Adicionar "Portunhol" em idiomas: hecho;
Foto de Hugo Chavez na carteira: hecho;
Solário para bronze Barranquilha-like: programado;
Inscrição no partido de Bolívar: programado;
Curso de Marinera: en la ponderación;
Registo na página do Sendero Luminoso ou FARC:
pendiente de aprobación;
Formação adicional na Faculdade de Medicina da Universidade Anton de Kom - Suriname: programado;
Finalmente:
Nuevo contrato con el ARS: bajo negociación;








*PS: private joke.

10 comentários:

Cirrus disse...

E será que é assim tão privada?

Catsone disse...

Para quem vê as coisas para além do que é apresentado nos média, talvez não seja, não. O "problema" é conhecer todo o cenário e não apenas a parte que convêm ao nacional rebanho.

Demogorgon disse...

Usted esta loco... Usted esta completamente loco!!!

(Ou não...)

Deixa lá, da maneira que isto está, até aqueles que mataram o país vão apodrecer com ele, e talvez um dia, das cinzas, renasça algo pelo qual valha a pena lutar... Entretanto... É fugir, enquanto ainda se pode (não descarto uma guerra civil, no médio prazo).

Abraço

Catsone disse...

Dermo, guerra civil? Nem com uma ditadur a este povo se mexeu!
Não sou pela guerra, a não ser que seja uma guerra intelectual e aí eles estão em desvantagem...

Cirrus disse...

Acredito, por isso é que perguntei se é assim tão privada...

pinguim disse...

Realmente, a Europa já cheira mal...

Catsone disse...

Pinguim, esta piada tem a ver com a contratação de médicos indiferenciados da América Latina para fazer de conta são médicos de família. É a caça ao voto e a demagogia da classe política.
Queria ser latino-americano porque a eles é oferecido o dobro do que me pagam + casa + transportes e outras regalias.
Sabes que "o que é nacional é bom" apenas quando interessa.

Sahaisis disse...

muy bien y ademas el castellano es sensual (or not)

Catsone disse...

Sahaisis, dios mio, cariño, es objeto de controversia...

RockyBalbino disse...

Por acaso nunca tinha reparado, mas o Chile é quase do mesmo tamanho e forma do lábio esquerdo da Fernanda Câncio. Ora esta!