07 junho 2010

Querida Sony®

Meu HP® finou-se à coisa de um mês. Ao fim de 4 anos de dura labuta resolvi dar-lhe o merecido descanso e está agora encostado num canto do escritório, reservado para emergências.
Adquiri um Sony Vaio. Li numa revista de informática que o modelo apresentava a melhor relação custo/benefício quando comparado com outras máquinas concorrentes e, lido isto, escrito por experts, resolvi comprar um exemplar.
Fiquei espantado com o facto de estar esgotado em todos os lados; não havia na FNAC®
, Worten®, Media Markt®, Rádio Popular®, etc®, devia mesmo ser coisa boa. Procurei-o pela net e encontrei-o numas páginas obscuras de lojas online, mas prefiro gastar meu dinheiro em lugares mais fisicamente palpáveis.
Um belo dia, porém, recebo pelo correio propaganda da Staples® e ei-lo, em toda a sua glória e explendor, escarrapachado nas páginas escarlates da publicidade.
Telefonei logo à madama para ir dar um salto à loja, já que me encontrava longe, e ela lá foi...

Era filho único, o último, o sobrevivente, o derradeiro... e era meu.

Como uma criança, tirei-o da caixa e, antes de o ligar, admirei-o como um turista admira a Gioconda no Louvre. Cliquei no botão on/off que logo acendeu uma luzita e... começaram as desilusões.
O gajo "cracha" com uma frequência que considero desagradável, o Touchpad não presta, os botões fazem uns "poings" estranhos, não é tão rápido quanto pensava...

(Suspiro)

Talvez (o mais provável) seja culpa minha. Talvez tivesse uma expectativa desproporcionada ou talvez ele seja moderno demais para mim. Talvez eu seja apenas tonto... quem sabe?
Resta-me esta curta mensagem à Sony®:
"Vaio pró caraio!"


Espero que saibam traduzi-la para japonês...

8 comentários :

Cirrus disse...

Ò Cat!!!

Sony Vaio????

Pelo amor de Rá!!!

Ninguém te avisou?

Rain disse...

Curiosamente, apesar do preço que a Sony pratica pelo Vaio, esses portáteis são os que têm dado mais problemas no departamento. Não sei se entretanto já é diferente, mas na altura nem sequer havia suporte em Portugal e os portáteis eram enviados para não sei onde durante um mês ou mais...

Eu cá continuo a achar que é uma questão de sorte apanhar um com defeito ou não, mas esses Sonys não correram particularmente bem por Aveiro... ;)

Sahaisis disse...

3 letrinhas para ti catsoniano: M-A-C. MAC...depois de experimentares, vais cuspir nesses pseudo computadores...tenho dito ;)

Pronúncia disse...

Publicidade enganosa, é o que é...

(Será que ainda vais a tempo de o devolver?! É uma hipótese a considerares...)

Catsone disse...

Cirrus, pois...

Rain, actualmente até nem são muito caros (ou não teria comprado ;). Vamos lá ver se consigo atenuar alguns destes "defeitos".

Sahaisis, a MAC é muito overrated! Sou um resistente aos MAC. Não vou pagar uma pequena fortuna para ter um pc que tem metade das especificações de um "normal"... ah, e tb avariam ;)

Pronuncia, já não posso devolver. Agora só se pode remediar :P

Poetic GIRL disse...

E não podes devolver? Se estiver dentro dos 15 dias após a compra podes devolver alegando que não ficas-te satisfeito com o produto. Trabalho na área de informática e tenho conhecimento de causa desses direitos do consumidor. Se não queres chatices, só te posso recomendar uma coisa: compra APPLE... e olha que já trabalho com a marca há 15 anos, tenho conhecimento do produto... bjs

Catsone disse...

Poetic, pois é, já comprei há mais de um mês, pelo que devolver não é opção.
Obrigado ;)
bj

Shadow One disse...

Todos os sintomas que mencionas podem perfeitamente ter origem numa má configuração de BIOS e de sistema operativo.
As culpas atribuidas à marca do hardware muitas vezes prendem-se com assuntos Microsoft.
Não tens um amigo "informático" que te dê uma voltinha nisso?