15 outubro 2013

Hoje, à hora do almoço, foi-me apresentado um novo medicamento para a ejaculação precoce (ou "prematura", em léxico médico mais recente). Veio a delegada de informação dizer que a medicação é maravilhosa, que prolonga o acto, que é eficaz, que isso, que aquilo... eu ouvi, fazendo-me interessado.

No entanto, após ouvir a Albuquerque, fico seriamente a pensar se aquilo servirá para alguma coisa...

Estranha, e algo irónica, coincidência.

Imagem daqui

2 comentários :

Mz disse...

Ela também nos prolonga mas é o sofrimento...
E por mais que nos queiram transmitir que esta é a receita certa, essa já não pega.

Catsone disse...

MZ, e tira a T...ão toda...